Home / Sem categoria / Vamos falar sobre tipos de lixas e granulometria?

Vamos falar sobre tipos de lixas e granulometria?

Com certeza, em algum momento, você já deve ter usado uma lixa, seja no seu dia a dia em casa, para um reparo simples ou no trabalho, de forma profissional. As lixas, são superfícies porosas, usadas para dar acabamento em diversos tipos de materiais, possibilitando o nivelamento do local. Elas fazem parte da linha abrasivos e por terem várias indicações como: desbaste, para eliminar ondulações, limpar impurezas, polir e tantas outras, é que podemos encontrar vários tipos de lixas de diferentes grãos.

E com tudo isso, você já se perguntou como escolher a lixa certa para a sua atividade?

Para responder esta questão, vamos primeiro conhecer os tipos de lixas mais comuns que podemos encontrar em lojas especializadas:

Lixa para madeira e massa

Essa lixa é perfeita para dar aquele acabamento em materiais como madeira e massa como reboco, argamassa e massa corrida.

Lixa para metais

Essa lixa é indicada para superfícies metálicas e pode ser usada para remoção de ferrugem e tinta. Esta lixa deve ser usada sempre a seco.

Lixa d’água

Este tipo de lixa é indicado para reparação automotiva em peças metálicas e em preparações para pintura. A diferença desta lixa é que ela precisa ser umedecida para o uso e isso possibilita que o líquido ajude a retirar as impurezas do local que está sendo lixado.

Agora que já conhecemos as opções e sabemos qual tipo de lixa usar, o próximo passo é escolher o grão que será usado.

Para saber qual granulometria usar, é preciso analisar o quando se quer desbastar da superfície. Quanto menor é o grão, mais grossa será a lixa e isso quer dizer que, se você precisar desbastar bastante, precisa de uma lixa mais grossa e por isso, um número menor de grãos será o indicado. Dependendo do trabalho que irá realizar, você poderá usar diferentes tipos de grão, iniciando com um mais grossa, com menos grão e finalizando com uma mais fina, de granulometria maior para dar o acabamento fino.

Com isso, um cuidado deve ser tomado: a lixa seguinte não pode exceder mais de 50% do grão usado anteriormente. Por exemplo: se você começou com o grão 80 (G 80), a próxima lixa deverá ser 50% superior, ou seja, grão 120 (G 120). Essa condição permite que o grão mais fino remova os riscos deixados pelo grão mais grosso.

Vale comentar também que além das lixas folha que mostramos a cima, existem também as lixas que são adaptáveis em ferramentas que facilitam o trabalho, como:

Lixa Cinta

Lixa Disco Flap

Lixa para lixadeira de parede

Lixa para lixadeiras oscilantes

Lixas com velcro

Agora que você já sabe tudo sobre lixas, fica fácil colocar a mão na massa, não é?
Bom trabalho!

Aproveite para ler também: 10 Ferramentas indispensáveis para manutenção

www.ferramentaskennedy.com.br

Sobre Ferramentas Kennedy

Há mais de 20 anos, a Ferramentas Kennedy comercializa ferramentas, máquinas e equipamentos para diversos segmentos. Possui uma linha completa com um mix de produtos pensado a partir das necessidades dos clientes, sejam elas em atuações específicas ou mesmo para uso pessoal. Possuímos uma mega loja física em Curitiba, na Av. Pres. Kennedy, 860 - Rebouças e atuamos também no mercado de E-Commerce, realizando centenas de vendas online por dia. Além disso, contamos com um Centro de Distribuição, localizado na Av. Juscelino Kubitschek de Oliveira, 651 - CIC. Com o objetivo de estar sempre à frente, atendendo as necessidades dos nossos clientes, valorizamos e investimos em nossa equipe de profissionais altamente qualificados e por isso, garantimos a excelência no atendimento. A Ferramentas Kennedy é a loja do profissional, do hobbysta e da Indústria. Aqui você encontra produtos do dia a dia, desde uma chave de fenda, até grandes máquinas de uso profissional. Venha nos visitar!

Veja também

Black Friday

Novembro é mês de Black Friday!

Estamos entrando no mês de novembro e para muitas pessoas, isso significa que será um …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *