ferramentas

Utensílios de qualidade auxiliam no manejo diário das plantas

Seja para quem vai aproveitar o verão para começar um jardim do zero ou para quem já tem seu canteiro de plantas pronto, é importante contar com as melhores ferramentas sempre. Com bons utensílios, fica mais fácil cuidar e manter o jardim saudável.

Conheça 6 ferramentas que vão te ajudar no cuidado com o jardim!

1. Ancinho

O ancinho ou rastelo é uma ferramenta que serve para limpar, escarificar e nivelar o solo. Ou seja, é um utensílio que ajuda no preparo do solo.

2. Pá

Disponíveis em diversos tamanhos e materiais, as pazinhas são fundamentais para o momento do plantio, pois facilitam o manuseio da terra e dos substratos.

3. Tesoura de Poda

As tesouras são muito versáteis. Contar com uma ferramenta como essa é uma ótima garantia não só para a poda, mas também para colher as flores e frutos com segurança para a planta. 

4. Carrinho de mão

O carrinho de mão é uma ferramenta um pouco mais robusta e pode parecer estranho seu uso para um jardim pequeno. No entanto, esse veículo é muito importante pois possibilita o transporte da terra e demais adubos com mais facilidade. Além disso, investindo em um carrinho, você pode aplicá-lo para usos além do jardim.

5. Regador ou Mangueira

A irrigação das plantas é uma parte crucial do crescimento e desenvolvimento do jardim. Para isso, conte com equipamentos de qualidade para fazer a rega. Em jardins menores, um regador pode ser suficiente. Já em uma plantação um pouco maior, uma mangueira e alguns acessórios são necessários para alcançar toda a extensão do jardim.

6. Aparador de grama

Na maior parte dos jardins há uma boa área com grama e ela também precisa de cuidados. Para delimitar a área de crescimento das plantas, cuidar do gramado ou mesmo deixar o jardim mais bonito, é importante contar com um bom cortador de grama.

Existem algumas opções disponíveis e para um jardim menor os modelos de "carrinho" são práticos e já ajudam a coletar a sujeira sozinhos. Se tiver mais plantas grandes, pode optar por uma roçadeira.

Leia também: Aprenda a cuidar do seu jardim no verão

Já conhecia todas as ferramentas? Acesse o site da Ferramentas Kennedy e confira todas as opções de acessórios para jardinagem.


Equipamento é fácil de utilizar e pode contribuir com diversas tarefas caseiras. Confira!

Os compressores de ar são muito utilizados em ambientes profissionais de oficinas e funilarias, mas você sabia que o equipamento também pode contribuir em algumas atividades domésticas? Confira o material que preparamos para você e surpreenda-se!

1.Pintura

O equipamento geralmente utilizado em pinturas industriais também pode ser aproveitado dentro de casa.

Com a ajuda de um compressor de ar e pistola de pintura é possível retocar paredes, objetos artesanais e muito mais. O compressor de ar ainda ajuda a economizar tinta e diminui as chances de sujeira durante a pintura.

2.Acabamento e pequenos cortes

O compressor de ar também pode ser útil na confecção de artesanatos e pequenos móveis. Para isto, basta aliar o equipamento a uma retífica pneumática e uma lixadeira. O conjunto de itens torna mais fácil o corte de peças e proporciona resultados incríveis ao lixar uma variedade de superfícies.

3.Envernização

Se sua casa possui pisos de taco, corrimãos ou outras superfícies de madeira também pode tirar proveito do compressor. Assim como na pintura, basta utilizar uma pistola de aplicação para envernizar diferentes áreas com muita eficiência e praticidade.

4.Fixação de objetos

O equipamento de ar também pode ser utilizado para fixar objetos. Com o apoio de um pinador é possível pregar diferentes itens como móveis e caixas de madeiras.

Além da praticidade, a utilização do compressor de ar garante mais rapidez para realizar o serviço e poupa seus dedos de dolorosas marteladas acidentais.

5.Pulverização

Além das muitas utilidades citadas anteriormente, o compressor de ar também pode ser usado nos cuidados com suas plantas. Com o equipamento é possível pulverizar seus cultivos com facilidade e impedir a ação de pragas e insetos prejudiciais.
 

Viu só como é possível inovar e utilizar equipamentos distintos para cuidar melhor da sua casa? Se você gostou dessa matéria, aproveite para acessar diariamente o blog da Ferramentas Kennedy e conferir outros conteúdos do seu interesse!


Com as ferramentas certas e um pouco de paciência é possível concluir a tarefa

Se a fechadura quebrou não tem jeito, chegou a hora de fazer a troca. Quer aprender a realizar o serviço sem nenhuma complicação? Então confira as dicas que a Ferramentas Kennedy preparou para te ajudar!

Observe as medidas

Meça a distância da beira da porta até o centro da fechadura. A medida determinará as dimensões da fechadura e ajudará você a comprar o novo jogo de maçaneta e fechadura.

Separe as ferramentas necessárias

Antes de fazer a troca, separe os seguintes materiais:

Remova a fechadura antiga

Com a ajuda de um prego ou ferramenta pontiaguda, retire o pino que prende a maçaneta e comece a remoção. Em seguida, desparafuse a chapa testa com o auxílio da Chave Phillips. Depois de soltar os parafusos, remova o cilindro (miolo) e então a fechadura. Finalmente, retire qualquer acabamento da fechadura e da maçaneta.

Instale o novo conjunto de fechadura

Depois de removida a fechadura antiga, chegou a hora de instalar seu novo kit de fechadura e maçaneta.

Comece fazendo o processo inverso ao da desmontagem, ou seja, parafusando inicialmente os acabamentos da fechadura e da maçaneta. Em seguida, encaixe a fechadura na porta. Utilize a grosa caso seja necessário adequar o vão para facilitar o encaixe. Em alguns casos, será preciso utilizar a furadeira junto com a serra copo para realizar este ajuste.

Depois de acoplada a fechadura, posicione o novo cilindro no local e parafuse o miolo na lateral da porta. Então, parafuse a chapa testa e passe a maçaneta através da nova fechadura.

Na sequência, acople as partes restantes apertando bem as extremidades com a ajuda da Chave Allen. Por fim, troque a contra chapa do batente e aproveite sua nova fechadura.
 

Agora que você já sabe como trocar sua fechadura, aproveite para acessar o site da Ferramentas Kennedy e encontre tudo para realizar este e outros serviços!


A área externa precisa de cuidados especiais de acordo com a época do ano

O verão é uma das estações preferidas para aproveitar a área externa. Nessa época do ano, é necessário acrescentar na rotina os cuidados com o jardim, para manter o espaço saudável e seguro.

Confira nesse texto do blog da Ferramentas Kennedy algumas dicas para cuidar do jardim no verão!

Hidratação para as plantas

Se nós temos muita sede no verão, as nossas plantas também precisam de água! As temperaturas altas e a exposição muito direta ao sol podem prejudicar alguns tipos de plantas e flores.

Se a estação estiver com chuvas em escassez, é importante regar diariamente as plantas para que elas não queimem. Lembre-se: regue nos horários de menos incidência do sol, pela manhã e no início da noite.

Quer uma dica bônus? Borrife água diretamente nas folhas de algumas plantas mais sensíveis, para que elas resistam à temperatura.

Cuidados com o crescimento

O verão também é o momento de crescimento e absorção de nutrientes por parte das plantas. Por isso, é importante cuidar do crescimento, adubando e, quando necessário, substituindo o solo para que tudo cresça perfeitamente.

Não esqueça de podar e aparar plantas maiores sempre que necessário. Gramados, arbustos e canteiros podem ser aparados com a Roçadeira a Bateria Makita.

Se quiser mudar algumas plantas de lugar, o verão é uma estação adequada para o replantio. Para isso, não esqueça de regar com mais atenção as que acabaram de ser replantadas.

A mudança de lugar pode ser por motivos de nutrientes na terra, vontade própria ou para receber mais ou menos luz de acordo com a estação.

Dicas para o gramado

Muitos jardins contam com grama, e no verão essa vegetação também precisa de cuidados. Fique atento ao aspecto da grama, procurando arrancar ervas daninhas e pedaços de galho seco.

A grama também precisa de uma boa irrigação e é importante manter a grama aparada em um tamanho adequado para o seu jardim e suas outras plantas. Para gramados mais extensos e um trabalho mais profissional, a Máquina de cortar grama a Gasolina Toyama é uma boa opção.

Se o seu gramado é menor e precisa de cuidados mais caseiros, conheça o Cortador de Grama Black&Decker. Ambos possuem um coletor, que ajuda a juntar os pedaços de grama cortada para o descarte.
 

Gostou das dicas que separamos para você? Então acesse o site da Ferramentas Kennedy e confira as melhores ferramentas e acessórios para ajudar no cuidado com o jardim.

Aproveite para economizar e leve para casa os itens promocionais em destaque no texto, que fazem parte da campanha #MeuHobby!


A ferramenta é muito útil para uso profissional ou casual. Saiba mais!

Para trabalhar com corte de materiais diversos, é importante contar com uma boa serra. Se o seu objetivo é realizar cortes mais precisos, detalhados e com curva, sem dúvidas você precisa de uma serra tico-tico.

Mas quais os tipos de serra tico-tico disponíveis e qual é a melhor para cada uso? É o que você vai conferir nesse conteúdo da Ferramentas Kennedy.

Serra tico-tico: o que é

A serra tico-tico, também chamada de serra de recorte, é uma ferramenta elétrica que tem como principal característica o movimento de "vai e vem", que possibilita cortes mais precisos, curvados e com detalhes. 

Quais são os tipos de serra tico-tico

As duas principais categorias para essa serra são: a de bancada (que é fixa) e a manual (que é solta). Essa diferenciação é importante na hora de escolher a serra tico-tico ideal.

A serra manual te dá maior liberdade, mas depende de oferecer uma boa ergonomia para suas mãos, além de necessitar de um melhor controle da ferramenta.

A serra de bancada exige menos esforço manual, já que permanece fixa. Ela também é útil para cortar materiais com maior estabilidade. No entanto, essa serra tico-tico perde na portabilidade, sendo pouco útil para transportar.

Leia mais

6 diferentes tipos de serras elétricas

Trabalhar ou usar para consertos em casa?

Responder a pergunta acima auxilia a identificar a melhor serra tico-tico para o seu uso.  Se está procurando uma serra para utilizar como ferramenta de trabalho o tempo todo, é importante procurar modelos mais completos e com alta potência.

A serra tico-tico é um ótimo aliado mesmo para hobby ou consertos caseiros, e nesse caso é possível optar por uma ferramenta mais simples e portátil - nesse caso a serra manual pode ser uma boa ideia.

Especificações 

Não é preciso ser um expert para entender quais das características técnicas da serra tico-tico são mais importantes para o seu uso. A potência, por exemplo, precisa ser maior quando o tipo de material que você vai cortar for mais resistente. 

É importante também considerar a sua necessidade de portabilidade quando for escolher uma serra com ou sem fio. As serras tico-tico sem fio, ou seja, movidas à bateria, são mais adequadas para quem precisa transportar a ferramenta o tempo todo.

As serras com fio, que costumam ser mais baratas, são úteis para quem for usar a serra tico-tico (seja de bancada ou manual) em uma área específica de trabalho.
 

Agora que aprendeu como escolher uma serra tico-tico, confira no site da Ferramentas Kennedy as melhores opções e marcas de ferramentas e acessórios para suas atividades!


QUER MAIS DESCONTO PARA COMPRAR SUAS FERRAMENTAS?

Assine nossa letter e aproveite nossas promoções!